Logística:oqueéeporquevocêdeveseimportar? 

A Logística é uma das áreas mais importantes em uma empresa, para garantir o andamento da cadeia produtiva. Saiba aqui o que é Logística e como aplicá-la.

A logística é essencial para o funcionamento de qualquer empresa. 

É por meio do planejamento logístico que o gestor consegue distribuir produtos de forma racionalizada e cuidar dos suprimentos. Além disso, executar processos com mais eficiência. 

No entanto, por mais importante que seja a logística, nem todos os profissionais de gestão parecem entender a importância de ter um planejamento logístico

Essa falta de interesse (ou falta de conhecimento), é o que geralmente impede a empresa de conseguir resultados melhores na distribuição das mercadorias e redução dos custos.

Veja, neste post, o que é logística, como funciona e por que a sua empresa deve começar a se importar com ela. Também o que é planejamento logístico, como é possível elaborá-lo de um efetivo e muito mais!

 

O que é a logística e como funciona?

A logística é uma palavra de origem grega que tem como significado as habilidades de raciocínio lógico e a matemática. 

No princípio o termo era utilizado para explicar a movimentação e a manutenção de suprimentos em períodos de guerra — quando, naquela época, os recursos eram escassos. 

Depois passou a ser utilizada para a gestão do fluxo de abastecimento de insumos, movimentação de mercadorias e estocagem. Hoje é conhecida como uma especialidade da administração.

Logística: o que é e por que você deve se importar?

Embora envolva o transporte de mercadorias, a logística é muito mais do que isso.

Embora tenha forte ligação com a área de transporte, a logística engloba também outros departamentos na empresa como, por exemplo, armazenagem, embalagem e estoque.  

Os profissionais de gestão que querem ter mais controle sobre as finanças ou buscam aprimorar o atendimento ao cliente precisam adotar a logística como aliada.

Do mesmo modo, todos aqueles que querem melhorar o armazenamento dos produtos ou buscam otimizar o planejamento e a distribuição das mercadorias.

As etapas mais importantes dentro do processo logístico, são: 

  • controle de estoques;
  • gerenciamento de compras;
  • armazenagem de produtos;
  • distribuição de pedidos;
  • entrega das mercadorias. 

 

A importância da logística para a empresa

 

Quando a empresa tem processos logístico bem definidos, ela não precisa se preocupar com a falta de produtos. 

Seus estoques estão sempre organizados, a quantidade de itens nas prateleiras é suficiente para atender a demanda, a separação das mercadorias ocorre de forma ágil e os pedidos são entregues no tempo certo. 

Como resultado, a empresa possui tanto controle sobre os processos que consegue reduzir (e muito) os custos e desperdícios. 

A logística é importante porque ajuda no controle dos estoques, gerenciamento de compras e armazenagem de produtos. Ao mesmo tempo auxilia na distribuição de pedidos e entregas. 

Mas mais do que só isso, é também uma peça-chave para o planejamento estratégico da empresa. 

Se o gestor de logística têm acesso a informações de qualidade e mantém todos os processos sob controle, por exemplo, ele consegue administrar recursos, reduzir erros e minimizar os desperdícios sem dificuldade. 

Além disso, consegue identificar problemas no processo de distribuição e tomar decisões assertivas mais rápido.

 

Etapas importantes no processo de logística

 

Agora que você já sabe o que é, como funciona e porque a logística é importante, veja quais são as principais etapas no processo logístico.

 

Controle dos estoque

O controle de estoque é um dos pontos mais importantes dentro da logística

Uma vez que o estoque representa uma parcela significativa dos ativos, a empresa deve garantir uma gestão eficiente para evitar ao máximo os desperdícios e a perda de materiais.

 

Gestão das compras 

É importante que a empresa tenha acesso a produtos com qualidade e em quantidades suficientes para distribuir à população. 

Assim sendo, a gestão das compras é um processo necessário para evitar o desabastecimento das prateleiras e o excesso de itens em estoque (algo que pode influenciar diretamente nos custos).

 

Armazenamento dos produtos

Algumas mercadorias podem levar tempo até serem comercializadas. Por isso é importante que a empresa tome os cuidados necessários para armazenar os itens de forma correta. 

O gestor de logística deve assegurar que os produtos estão bem organizados e em segurança dentro dos armazéns. Também garantir que estão sendo distribuídos adequadamente para facilitar a localização.

 

Distribuição de pedidos e entrega das mercadorias

A distribuição e entrega das mercadorias é uma das etapas mais importantes na logística

O recebimento dos pedidos, a separação dos produtos, o carregamento nos caminhões, a organização do transporte, a agilidade dos fretes, enfim… Qualquer um desses procedimentos pode e vai influenciar nas entregas.  

Como a satisfação do cliente é uma prioridade, a empresa precisa garantir que a entrada e saída das mercadorias sejam concluídas de forma eficaz. 

Ao mesmo tempo a carga,  descarga e a entrega dos produtos também devem ser realizadas com o máximo de segurança.

Quer medir a qualidade de entrega dos seus produtos, mas não sabe como fazer isso? Clique aqui e descubra 4 métricas importantes que vão ajudá-lo a medir o desempenho das suas entregas.

 

Por que você deve se importar com a logística?

 

Imagine que a sua empresa funciona como um tabuleiro de xadrez. Durante uma partida, cada uma das peças desempenha um papel importante para o “xeque-mate”. 

Como jogador, você é encarregado de bolar uma estratégia assertiva para alcançar esse objetivo mais rápido. Dentro do “jogo” vencerá o adversário que planejar e realizar o movimento certo, no tempo certo. 

A logística, assim como você no xadrez, é responsável por assegurar uma vantagem sobre os adversários. Nesse caso, a concorrência. 

Todos os setores na empresa desempenham um papel importante na logística, assim como os peões no jogo. Então todas as peças precisam trabalhar em conjunto para o alcance dos objetivos.

A armazenagem, embalagem, estoque, manutenção de informação, processamento de pedidos, transporte e supply chain management são as principais áreas de atuação da logística

A união entre essas áreas de atuação é que vai garantir que todas as etapas do processo logístico sejam realizadas corretamente.

Você sabia que a qualidade do seu frete pode ser uma maneira ótima de conseguir clientes novos? Saiba, clicando aqui, como é possível ganhar mais clientes por meio dos fretes!

 

Principais áreas de atuação da logística

Armazenagem

A armazenagem é a área de atuação que determina o melhor aproveitamento do estoque. Também é responsável pela manutenção e conservação dos produtos. 

Para que a armazenagem seja feita corretamente é importante que a empresa leve em consideração a localização, as dimensões do espaço bem como a climatização do armazém. Isso para garantir a segurança e qualidade das mercadorias.

Embalagem

A área de embalagem é responsável pela qualidade dos produtos. Dessa forma, os profissionais nesse departamento precisam garantir que as mercadorias serão entregues ao destino sem danos. 

Para isso, precisam saber qual é o tipo de embalagem indicada para cada produto e quais são os itens necessários para reforçar a segurança. Por exemplo: um fogão precisa ser embalado em plástico-bolha ou isopor para só então ser alocado em uma caixa de papelão.

Estoque

Os responsáveis pelo estoque devem organizar os produtos em ordem e em quantidade suficiente para suprir a demanda. Também devem controlar os pedidos e emitir relatórios de compra e venda.

A organização do estoque é importante para conservar o equilíbrio entre a oferta e demanda. Isto é, não pode haver excesso de produtos parados nas prateleiras e nem a falta de mercadorias.

Manutenção de informação

As informações relacionadas aos pedidos, produtos e estoque precisam ser transparentes e estar sempre atualizadas. 

Um relatório mensal de custos, por exemplo, pode auxiliar o gestor de logística a tomar decisões importantes para manter o fluxo de caixa e os investimentos sob controle. 

Ter acesso a informações de qualidade, em tempo real, pode ser um diferencial competitivo caso o gestor saiba ler e analisar os dados.

Processamento de pedidos

A área de processamento de pedidos é onde ocorre a preparação, transmissão, recebimento e expedição dos pedidos. Nessa etapa também é emitido o relatório da situação do pedido.

Essa é uma das áreas mais importantes na cadeia logística, uma vez que ajuda garantir as entregas no prazo.

Transporte

O transporte é a área de atuação responsável pelas entregas. 

Por concentrar a maior parte dos custos de logística, os profissionais de gestão precisam sempre buscar alternativas inovadoras para reduzir os gastos e aumentar a competitividade.  

Nessa área é definido o planejamento das rotas, a programação dos pagamentos e qual é a transportadora que irá realizar os serviços de frete.

Supply Chain Management

Supply Chain Management, também conhecida como Gestão da Cadeia de Suprimentos, é uma área de atuação que vai além dos processos internos.

Ou seja, ela estende o olhar para os parceiros de negócios tal como fornecedores e transportadoras.

Essa área tem como finalidade assegurar o relacionamento saudável entre as partes para que os processos de recebimento e distribuição de produtos se tornem mais eficientes. Além disso, para que ocorra um aumento na satisfação dos clientes.

A vantagem desse setor é que a empresa, fornecedor e transportadora podem trabalhar em conjunto, tornando todas as operações mais sólidas.

 

Planejamento logístico: o que é?

 

O planejamento logístico utiliza de estratégias e ferramentas para reduzir os custos de produção e armazenagem. Ao mesmo tempo é utilizado para aumentar a velocidade de entrega dos produtos.

A elaboração de um planejamento pode exigir bastante trabalho duro e dedicação, mas não é impossível. 

O planejamento logístico têm como finalidade proporcionar uma experiência de compra mais agradável para o consumidor. Então, o gestor deve bolar ações para ajudar a empresa a disponibilizar produtos com qualidade e baixo custo. Além de assegurar um serviço de entregas eficiente.  

A estrutura de um planejamento logístico pode ser dividido em três etapas, sendo elas: 

  • Estratégia: nesta etapa os líderes devem pensar em um plano para reduzir os custos de armazenamento e transporte, minimizar os desperdícios e diminuir o tempo das entregas. 
  • Tática: aqui o gestor de logística deve coordenar e gerenciar todas as áreas de atuação para trabalharem em conjunto.
  • Operacional: a empresa deve colocar em prática tudo que foi definido no planejamento estratégico. O operacional está relacionado a execução das tarefas que tornam todas as metas em realidade.

Onde o planejamento logístico deve ser aplicado?

O planejamento logístico deve ser aplicado na logística de entrada, logística interna e logística externa.

A logística de entrada está relacionada ao fluxo de matéria-prima que entra na empresa. Isto é, o recebimento de insumos, materiais e produtos que serão alocados no estoque.

A logística interna está ligada a circulação desses itens. Ou seja, todos os fluxos e movimentações que serão realizados dentro do armazém.  

A logística externa está associada ao envio das mercadorias até o consumidor final. Assim sendo, envolve o processo de embalagem, expedição, manutenção e transporte.

 

Como elaborar um bom planejamento logístico

Levando em consideração todos esses aspectos, elaborar um planejamento logístico parece ser praticamente impossível, não é? Mas, calma! A verdade é que não é assim tão complicado. 

Abaixo, separamos 6 dicas que podem ajudar você a garantir um bom planejamento:

 

Dica 1: Reforce a comunicação e integre os setores

Se não existe comunicação, não existe troca de informações. Se não existe troca de informações, os setores ficam sem saber o que está acontecendo com outros departamentos e quais tarefas precisam ser desempenhadas ao longo do dia.

Ou seja, tudo fica uma bagunça…

Para que a empresa consiga garantir um bom planejamento logístico, e para que as estratégias surtam efeito, é preciso garantir que todos os departamentos estão se comunicando constantemente.

Certificar que áreas de armazenagem, embalagem, estoque, manutenção de informação, processamento de pedidos, transporte e supply chain management estão integradas e que os profissionais responsáveis estão trocando informações atuais sobre todos os processos.

 

Tudo começa com um bom planejamento de logística.

 

Dica 2: Centralize as informações

Para que o planejamento logístico funcione, todos os profissionais da empresa precisam compreender a importância das atividades. Nesse sentido, devem saber quais são os efeitos de suas ações nos processos e no que as decisões podem impactar outros setores. 

A centralização das informações serve para ajudá-los nessa compreensão. 

Assim que a empresa reúne todos os dados em um único lugar, fica mais fácil para as pessoas compreenderem como cada tarefa é realizada.

Então, se querem consultar algum dado ou precisam verificar qual é a situação de um pedido, por exemplo, podem acessar essa central para esclarecimento.

 

Dica 3: Faça parcerias com bons fornecedores

Os fornecedores serão os responsáveis por manter o seu estoque abastecido. Por isso é importante que você trabalhe apenas com profissionais experientes, capacitados e que oferecem produtos com qualidade para a sua empresa.

Na hora que for escolher, veja também se oferecem flexibilidade para discutir preços e se cumprem com os prazos de entrega.

 

Dica 4: Otimize o controle do seu estoque

Se você quer que o planejamento logístico funcione e o cliente fique satisfeito, você precisa assegurar que o seu estoque está sendo controlado corretamente.

Caso não queira fazer a gestão manual, pode utilizar a tecnologia ao seu favor para otimizar o controle. Hoje já existem softwares que permitem isso. 

Com uma ferramenta de gestão inteligente já é possível calcular a quantidade ideal de produtos para comercialização, além de facilitar a busca das mercadorias no estoque.

 

Dica 5: Fique atento na qualidade das embalagens

Produtos embalados erroneamente podem levar a desperdícios, e desperdícios significam que a empresa pode arcar com prejuízos no futuro. 

Você não quer isso, quer?

A embalagem é utilizada para proteger a sua mercadoria durante o transporte, então é extremamente importante selecionar o tipo certo para evitar estragos e devoluções. 

Se você não se preocupa em manter os produtos bem protegidos, qual será o nível de satisfação dos clientes ao receberem essas mercadorias?

 

Dica 6: Opte por uma transportadora eficiente

Se você quer ter um planejamento logístico eficaz, você precisa assegurar que os clientes vão receber os produtos em condições adequadas, no tempo certo.

O transporte é um dos setores de maior influência na logística, então é importante escolher a transportadora certa para realizar os serviços. 

Já pensou fechar contrato com uma empresa de transporte inexperiente e ter os seus produtos extraviados? Isso não pode acontecer!

Está perdendo clientes por causa dos fretes? Já tentou de tudo e o resultado das vendas continua insatisfatório? Clique aqui e descubra o que é preciso fazer para reverter isso! 

 

Quais são os erros mais cometidos no planejamento de logística?

 

Como várias áreas de atuação estão envolvidas na cadeia de suprimentos (armazenagem, embalagem, estoque, manutenção de informação, processamento de pedidos, transporte e supply chain management), alguns erros podem acontecer na hora de montar um planejamento logístico

Entre as falhas mais comuns, estão:

 

A empresa não estabelece objetivos

A empresa que não têm objetivos fica praticamente sem rumo. 

Estabelecer metas e pensar em estratégias para alcançá-las é importante para ajudar toda a equipe a trabalhar com foco e dedicação.

 

O gestor não sabe avaliar os resultados

Como o gestor vai saber se a empresa teve progresso se ele não avaliar os resultados? 

Monitorar todos os processos logísticos regularmente e avaliar indicadores é necessário para identificar erros, oportunidades, sugerir melhorias e até formular estratégias.

 

A empresa não investe em tecnologia

A tecnologia é importante para ajudar o gestor de logístico a ter mais controle sobre o que acontece na empresa. 

Se ele quer otimizar a distribuição de produtos, mas não possui ferramentas que ajudam nesse processo, ele pode não atingir esses resultados. Da mesma forma, se espera economizar com combustível mas não possui veículos em bom estado de conservação, não consegue não reduzir os custos tanto quanto queria.  

Sem o apoio da tecnologia e das ferramentas certas a logística da empresa fica obsoleta. O estoque fica desorganizado, os pedidos atrasam e, por consequência, deixa de atender as expectativas dos clientes.

 

Investir em tecnologia e análise de dados é um bom caminho para melhorar seus resultados com logística.

 

A alta direção não investe nos colaboradores

O sucesso de uma empresa depende do trabalho da equipe. 

Como o foco é melhorar as operações logísticas e atender o mercado mais rápido, é preciso capacitar o seu time a fim de que eles consigam realizar as funções com mais agilidade. 

Investir na tecnologia é importante? Sim! Mas de nada vai adiantar se você não tiver profissionais bem instruídos para trabalhar com as ferramentas. Por isso, invista também no seu pessoal.

 

Não existe equilíbrio entre a oferta e demanda

O cliente quer fechar negócio com uma empresa que oferece produtos e serviços de qualidade, no tempo certo. Se chega faltar mercadorias no estoque, a empresa não consegue atender o consumidor e ele parte imediatamente para a concorrência. 

E se a empresa não sabe manter o equilíbrio entre a oferta e demanda, isso pode acarretar em prejuízos enormes. Por exemplo: deixa faltar produtos nas prateleiras ou têm muitas mercadorias parada nos armazéns.  

Para impedir o desequilíbrio é importante ter um planejamento para abastecer os estoques. Uma forma de fazer isso é analisar os relatórios dos últimos dois anos para identificar quais são os produtos com mais e menos saída.

 

A empresa ignora o fator sustentabilidade

Hoje, as empresas que querem manter uma boa reputação no mercado precisam adotar ações sustentáveis para desempenhar funções sem impactar as pessoas e o meio ambiente.  

Redução na queima de combustível, economizar energia elétrica e água, reutilizar equipamentos, incentivar o descarte correto de insumos, reciclar materiais, evitar o desperdício de produtos e cumprir com a legislação ambiental são apenas alguns exemplos que ajudam a empresa a ser mais sustentável.

Embora essas medidas sejam todas voltadas para a sustentabilidade, elas podem ajudar (e muito) a empresa a economizar.

 

Percebe como a logística pode ser bastante útil? 

 

A logística pode ser é útil para qualquer tipo de empreendimento. Ela ajuda no controle dos estoques, gerenciamento das compras, armazenagem de produtos, distribuição de pedidos e entrega das mercadorias.

As área de armazenagem, embalagem, manutenção de informação, processamento de pedidos, transporte e supply chain management desempenham um papel extremamente importante na cadeia de suprimentos. 

Por isso é necessário que o gestor de logística mantenha o controle sob todos os processos que envolvem essas áreas de atuação. 

Com um bom planejamento logístico ele é capaz de administrar todos os procedimentos. Também consegue gerenciar melhor os recursos, otimizar as entregas e garantir uma experiência mais satisfatório para os clientes. 

Por outro lado, se não tiver um planejamento, pode não conseguir organizar a distribuição dos pedidos, atender a demanda e nem reduzir custos. Como consequência disso, pode perder a competitividade e o espaço para as concorrentes.

A TW Transportes, empresa com mais de 54 anos de experiência no ramo de transporte e logística, atua de maneira estratégica junto dos seus clientes, sempre indo além dos serviços de frete e oferece assistência para as empresas que querem se sobressair no mercado e buscam mais controle sobre os seus negócios. 

Se você não sabe como dar o primeiro passo sozinho ou não sabe como melhorar a logística da sua empresa, não deixe de contatar a TW para ajudá-lo. Clique aqui, converse com um de nossos especialista e veja como pode ser fácil levar a sua empresa até o topo!

Gostou do tema? Quer saber mais sobre logística e descobrir como é possível otimizar ainda mais as suas entregas? Então clique aqui e acesse agora mesmo o nosso blog. Assim você ficará por dentro de todas as novidades! 

Últimas Postagens

Todas as postagens

SAC / Atendimento

Caso tenha alguma dúvida, sugestão,
reclamação ou elogio. Envie sua mensagem!
Responderemos o quanto antes.